Um EP que marca uma jornada de transformação.

Uma história de mudança contada através de canções.

Ouça agora!

  • Spotify
  • YouTube
  • Deezer
  • Amazon
P Casulo-_camilascopia-16.jpg

Fios de Seda

Desde que comecei a cantar, lá pelos sete anos, sempre interpretei composições de outras pessoas -autores e autoras talentosíssimos que faziam verdadeira mágica ao unir palavras, melodias e sentimento. Só que haviam momentos em que eu necessitava colocar os meus pensamentos, as minhas palavras e as minhas melodias nas músicas... Por mais banais que parecessem ser (a autocrítica sempre impiedosa!). Essa vontade surgia esporadicamente; então, meio tímida, eu colocava algumas frases ali, outras mudanças aqui e continuava tecendo com o meu próprio casulo, dizendo pra mim mesma que eu "não era de escrever canções". Só que a tal vontade começou a crescer cada vez mais...

Casulo

Até que um belo dia essa vontade tomou conta de mim por inteiro. No violão surgiram os primeiros acordes, e junto com eles eu cantei:

"Já passou da hora de botar o pé pra fora de casa 

Encarar o mundo, sentir a chuva, o sol, o vento e tudo mais...

O casulo dá essa falsa sensação de proteção

Mas muito a gente perde por não saber realmente do que é capaz" 

Eu não sabia explicar pra mim mesma de onde essas palavras haviam surgido. Mas que eram um baita conselho, eram. Como um divisor de águas, a partir daquele momento eu soube: havia chegado a hora de romper o meu casulo. 

P Casulo-_camilascopia-15.jpg
foto (9).jpg

Metamorfose

A saída do casulo é um processo de transformação. A gente deixa pra trás crenças, medos, o confortável, o conhecido... E, em troca, recebemos uma versão mais fluida de nós mesmos, mais leve; leveza essa necessária para podermos voar e bater asas no céu de um novo ciclo em nossas vidas. Imbuída desse sentimento, depois de romper o casulo, eu sabia que a metamorfose estava acontecendo, pulsando muito forte. O "sim" esperado pela vida já havia sido dado. Agora era só voar!  

Raiou

A transformação é como o raiar de um novo dia. Uma verdade tão clara e límpida como uma manhã de sol. A alegria toma conta do corpo inteiro, dá vontade de dançar, cantar bem alto, voar comemorando essa nova versão de nós mesmos. Com o coração cheio de esperança e amor, entooei o refrão dessa canção, e coloquei em versos tudo o que era esse raiar pra mim. E, por mais difícil que a vida se apresente, por mais que tenhamos que voltar ao casulo e se transformar por vezes sem conta, sempre vai haver um novo dia para dizer: Raiou! 

foto (16).jpg